Mariologia Patrística – Cirilo de Jerusalém

Tempo de leitura: < 1 minuto

Comenta aqui embaixo o que você mais gostou da relação Cirilo de Jerusalém e Maria?

Artigos relacionados

Respostas

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Aprendi que
    São Cirilo foi um catequista Iluminado pelo amor devotado à Maria, preocupado em abrir-nos os olhos para vermos Deus,através da pessoa de Maria de modo real!

  2. Ave Maria!
    Um verdadeiro sinal de fé, esperança e amor: São Cirilo de Jerusalém apresenta temas centrais da fé com suas fontes: a Sagrada Escritura e a Tradição. De grande importância e referência temos as Catequeses Mistagógicas de Cirilo de Jerusalém, verdadeiro ensinamento dos fundamentos da fé católica, pelas quais podemos perceber que o tema Mistagogia está presente desde aquele tempo.
    Cirilo de Jerusalém revela a beleza dos Sacramentos, nos apresenta um itinerário pedagógico para os “iluminados”, a chamada “iluminação” dos iniciantes em contato direto com os sinais da presença e Revelação de Deus nos acontecimentos histórico salvífico. Com o propósito de levar a pessoa à luz temos a presença mistagógica da pessoa de Maria em Cirilo de Jerusalém, bem como, o Testemunho Mariológico: “Acreditais que o Filho de Deus descerá dos céus” […],
    Jesus, humano e divino; o Filho de Deus; Jesus, “verdadeiro Deus e verdadeiro homem” (plenamente divino e plenamente humano), para que possamos ver e testemunhar o real e verdadeiro Deus nos acontecimentos da história.
    Que possamos nós, também, experienciar o contato com esses sinais em nossos dias, num caminho catecumenal mistagógico, por meio dessa mistagogia tão presente nos ensinamentos de São Cirilo de Jerusalém, de modo a fazer ecoar a Palavra de Deus em nosso tempo.
    Para finalizar, compartilho esse pequeno trecho da Primeira Catequese Mistagógica aos Recém-iluminados n.3, que vejo como um convite para que prossiguemos no caminho do Evangelho: “Passai agora comigo das coisas antigas às novas.” […]

  3. Olá, boa noite.
    Ao ouvir a belíssima reflexão, diga dita sobre a verdade. A pergunta que eu me fiz foi: Aquilo que disse São Cirilo de Jerusalém no quarto século é diferente do que precisamos anunciar hoje? Sobre a luz do Espírito Santo?

×

Powered by WhatsApp Chat

×